Como a idade materna afeta o risco de ter um bebê com uma doença cromossômica?

O risco geral de ter um bebê com anomalia cromossômica é pequeno. Mas, à medida que a mulher fica mais velha, seus óvulos também envelhecem e o risco de ter um filho com cromossomos ausentes, danificados ou extras aumenta.
A Síndrome de Down é a alteração cromossômica mais comum que ocorre em uma gravidez tardia.
O risco de ter um bebê com Síndrome de Down, baseado na idade materna é:

Cariótipo normal, XY

Cariótipo com Síndrome de Down (Trissomia do Cromossomo 21), XY

Referências:

ACOG – https://www.acog.org/patient-resources/faqs/pregnancy/having-a-baby-after-age-35-how-aging-affects-fertility-and-pregnancy

Síndrome de Down – Capítulo 21 – Zan Mustacchi – http://www.sindromededown.com.br/wp-content/uploads/2015/05/capitulo21.pdf

× Como podemos te ajudar?